quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Educação Domiciliar recebe parecer favorável na Comissão de Educação e Cultura


Na última quarta-feira, dia 07 de novembro de 2012, o Projeto de Lei 3179/12, que disciplina sobre a educação domiciliar no Brasil recebeu parecer favorável à sua aprovação na CEC (Comissão de Educação e Cultura). 

De acordo com a proposta, será facultado aos pais determinar se a educação ofertada aos seus filhos será realizada em casa ou pelo sistema escolar tradicional, e ainda, poderá ser livre a transferência do estudante de um sistema para o outro, a qualquer momento.

E ainda, para que os pais não tenha o direito suspenso, deverão registrar todo o conteúdo ministrado no domicílio e mais,  será suspenso o direito em casos de ocorrência de maus tratos ou de ausência de instrução compatível com a faixa etária dos alunos.


Créditos da imagem: http://www.meubancodeimagens.com


Segundo Alexandre Magno Fernandes, diretor jurídico da ANED (Associação Nacional de Educação Domiciliar), a Constituição Federal e Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – 9.394/98, que são os dois principais documentos que tratam sobre educação:

“sequer mencionam a educação domiciliar, porque essa modalidade de ensino não existia à época e não foi abordada nos debates legislativos que deram origem a esses textos”.


Já o autor do projeto, deputado Lincoln Portela (PR-MG), destacou que a proposta não busca combater o ensino tradicional, mas criar alternativas aos pais que tiverem condições de educarem seus filhos em casa   e declarou:

“O ensino domiciliar leva a um produto cultural de uma forma muito mais rápida para os alunos, fomenta o autodidatismo, a pesquisa e também a naturalidade do ensino.”




A proposta sobre a possibilidade de oferta domiciliar da educação básica tramita em caráter conclusivo e ainda será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).


sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Processo seletivo Caixa e IBM: Já enviou seu currículo?

Já enviou seu currículo para o processo seletivo Caixa e IBM? Se não enviou, em janeiro de 2013 tem mais.


O Governo do Estado da Bahia, a IBM, a Caixa Econômica Federal e a Fundação dos Economiários Federais (Funcef) assinaram um protocolo de intenções para a instalação na Bahia de uma empresa especializada em Tecnologia da Informação (TI) ligada a serviços. Inicialmente, a organização oferecerá nova ferramenta on-line para aquisição de crédito imobiliário junto à Caixa.

A previsão inicial é que a empresa entre em funcionamento em fevereiro de 2013 e que sejam contratados aproximadamente 800 funcionários (inicialmente serão ofertadas 200 vagas), número este que deve aumentar nos anos seguintes.




A seleção para as vagas será feita pelo SineBahia e poderão se candidatar pessoas com nível médio completo ou superior incompleto, em qualquer área e que possua conhecimento do programa MS-Excel, da Microsoft.

Não é necessário comprovar experiência, mas, conhecimento em inglês será considerado como um diferencial. Os salários variam de R$900 a R$2,2 mil para a maioria das vagas. Os cargos de liderança e outras posições superiores terão remuneração de até R$7 mil.

Não existem vagas para áreas de formação específica. Cargos são novos e a atividade da empresa também é nova. Ou seja, advogados, jornalistas, engenheiros, economistas e administradores poderão concorrer juntos para as mesmas funções.


É imprescindível que o currículo seja simples e objetivo e contenha as seguintes informações:
  • conhecimento do programa Excel (Office)
  • conhecimento em inglês (se tiver)
  • escolaridade.

O Recebimento dos currículos está acontecendo apenas na Unidade Central do Sinebahia, na  Avenida ACM, em frente ao Hiper e ao lado do Banco Itaú. Não é necessário que o candidato esteja presente. O documento pode ser entregue por um portador, inclusive, poderá levar também currículos de outras pessoas.

Após concluir esta primeira etapa, o processo seletivo terá sequência com os pré-aprovados. O Sinebahia voltará a fazer seleção com novos candidatos em janeiro de 2013.


Fonte: TI Bahia.com

domingo, 4 de março de 2012

O reino dos céus é um tesouro escondido

Também o reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido num campo, que um homem achou e escondeu; e, pelo gozo dele, vai, vende tudo quanto tem, e compra aquele campo.

Outrossim, o reino dos céus é semelhante ao homem, negociante, que busca boas pérolas;
E, encontrando uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo quanto tinha, e comprou-a.
Mateus 13:44-46





Meditando nessa passagem do evangelho de Mateus, pude observar alguns aspectos dessa passagem onde Jesus compara o reino dos céus, ou o reino de DEUS, se assim quisermos chamar, a um tesouro escondido e a uma pérola de grande valor.





1º aspecto: tesouro oculto

O tesouro é oculto, é escondido, ou seja, não é visível, vejamos o que diz o versículo 20 do capítulo 17 do Evangelho de Lucas:

Certa vez, tendo sido interrogado pelos fariseus sobre quando viria o Reino de Deus, Jesus respondeu: "O Reino de Deus não vem de modo visível, (Versão NVI)




2º aspecto: vende tudo o que tem

O homem que encontra o tesouro percebe que é necessário vender tudo o que possui (todos os seus bens materiais) para poder adquirir aquele campo.

Ao ouvir isso, disse-lhe Jesus: "Falta-lhe ainda uma coisa. Venda tudo o que você possui e dê o dinheiro aos pobres, e você terá um tesouro nos céus. Depois venha e siga-me".
Lucas 18:22




3º aspecto: Compra

O homem que encontra esse tesouro precioso calcula, paga preço alto para adquirir o campo.

Qual de vocês, se quiser construir uma torre, primeiro não se assenta e calcula o preço, para ver se tem dinheiro suficiente para completá-la?
Lucas 14:28



4º aspecto: transbordante de alegria

É preciso ter olhos espirituais para ver o Reino dos Céus. Quando o reino é visualizado é desejado, o homem reconhece o seu grande valor, vende tudo o que tem, está disposto até mesmo a perder sua vida se necessário

Pois quem quiser salvar a sua vida a perderá; mas quem perder a vida por minha causa, este a salvará. 
Lucas 9:24



O homem que encontra o tesouro, calcula o preço, paga um valor muito alto, mas, fica radiante, cheio, a ponto de transbordar de alegria porque sabe que ganhou um tesouro, uma pérola de mui precioso valor, que a traça e a ferrugem jamais irão consumir e que possui valor eterno.


Para que os seus corações sejam consolados, e estejam unidos em amor, e enriquecidos da plenitude da inteligência, para conhecimento do mistério de Deus e Pai, e de Cristo,
Em quem estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência.
Colossenses 2:2-3



Leia também:

Jesus se fez pobre para nos enriquecer

nRelate - Posts Only